Modelos matemáticos para predição da chuva de projeto para regiões do Estado de Minas Gerais Mathematical models for the estimation of rainfall in selected regions of Minas Gerais State, Brazil

O uso de modelos matemáticos para predição da chuva é uma forma prática e precisa para determinação do valor a ser aplicado em projetos, sendo útil para localidades desprovidas de informações pluviométricas. Objetivou-se ajustar o método de Bell, que possui características de regionalização para a c...

Full description

Bibliographic Details
Main Authors: Carlos R. de Mello, Antônio M. da Silva, José M. de Lima, Daniel F. Ferreira, Marcelo S. de Oliveira
Format: Article
Language:English
Published: Universidade Federal de Campina Grande 2003-04-01
Series:Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental - Agriambi
Subjects:
Online Access:http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1415-43662003000100020
id doaj-500791b91719402eb2820d083acfa039
record_format Article
spelling doaj-500791b91719402eb2820d083acfa0392020-11-25T01:50:52ZengUniversidade Federal de Campina GrandeRevista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental - Agriambi1415-43661807-19292003-04-017112112810.1590/S1415-43662003000100020Modelos matemáticos para predição da chuva de projeto para regiões do Estado de Minas Gerais Mathematical models for the estimation of rainfall in selected regions of Minas Gerais State, BrazilCarlos R. de MelloAntônio M. da SilvaJosé M. de LimaDaniel F. FerreiraMarcelo S. de OliveiraO uso de modelos matemáticos para predição da chuva é uma forma prática e precisa para determinação do valor a ser aplicado em projetos, sendo útil para localidades desprovidas de informações pluviométricas. Objetivou-se ajustar o método de Bell, que possui características de regionalização para a chuva de projeto, com base em equações de chuvas intensas e modelos de probabilidade de Gumbel de estações meteorológicas do Estado de Minas Gerais ajustando, também, um modelo para cada região do estado. Avaliaram-se os modelos considerando-se o coeficiente de determinação e os erros médios em relação aos dados originais. Para validação, trabalhou-se com três estações meteorológicas da região Norte não usadas para ajuste do respectivo modelo. Foram analisadas três metodologias para estimativa da chuva intensa padrão (h(60,2)), que pondera o método usado, ressaltando-se a média aritmética, a média ponderada pelo inverso do quadrado da distância e a predição geoestatística (krigagem). Observou-se que os modelos possuem bons indicadores estatísticos e a validação produziu erros baixos, mostrando que os modelos podem ser aplicados, especialmente se a krigagem for usada para estimativa do parâmetro h(60,2).<br>The use of mathematical models for predicting rainfall is a practical and accurate way of determining this parameter to be applied to regions which do not have any precipitation data. Based on the intense rainfall equations and Gumbel's probability model for maximum daily precipitation of meteorological stations in Minas Gerais State, the objective of this work was to adjust the Bell's Method, with regional features, for rainfall, adjusting one model for each region. The regional parameters were estimated by non-linear multiple regression, using Gauss-Newton's method. The goodness of the models was evaluated by the coefficient of determination and mean errors of prediction as compared to the original data. Data from three meteorological stations in the Northern region, which were not used to adjust the respective model, were used for validation purposes. The most frequent precipitation was tested by the arithmetic mean, the weighted mean by the inverse-square-distance and the geo-statistical prediction (kriging). The models produced good statistical parameters, with low mean errors, showing their accuracy, specially when the kriging method for estimating the most frequent precipitation was used.http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1415-43662003000100020precipitação intensaobras hidráulicasregionalizaçãokrigagemintense precipitationhydraulic structuresregionalizationkriging
collection DOAJ
language English
format Article
sources DOAJ
author Carlos R. de Mello
Antônio M. da Silva
José M. de Lima
Daniel F. Ferreira
Marcelo S. de Oliveira
spellingShingle Carlos R. de Mello
Antônio M. da Silva
José M. de Lima
Daniel F. Ferreira
Marcelo S. de Oliveira
Modelos matemáticos para predição da chuva de projeto para regiões do Estado de Minas Gerais Mathematical models for the estimation of rainfall in selected regions of Minas Gerais State, Brazil
Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental - Agriambi
precipitação intensa
obras hidráulicas
regionalização
krigagem
intense precipitation
hydraulic structures
regionalization
kriging
author_facet Carlos R. de Mello
Antônio M. da Silva
José M. de Lima
Daniel F. Ferreira
Marcelo S. de Oliveira
author_sort Carlos R. de Mello
title Modelos matemáticos para predição da chuva de projeto para regiões do Estado de Minas Gerais Mathematical models for the estimation of rainfall in selected regions of Minas Gerais State, Brazil
title_short Modelos matemáticos para predição da chuva de projeto para regiões do Estado de Minas Gerais Mathematical models for the estimation of rainfall in selected regions of Minas Gerais State, Brazil
title_full Modelos matemáticos para predição da chuva de projeto para regiões do Estado de Minas Gerais Mathematical models for the estimation of rainfall in selected regions of Minas Gerais State, Brazil
title_fullStr Modelos matemáticos para predição da chuva de projeto para regiões do Estado de Minas Gerais Mathematical models for the estimation of rainfall in selected regions of Minas Gerais State, Brazil
title_full_unstemmed Modelos matemáticos para predição da chuva de projeto para regiões do Estado de Minas Gerais Mathematical models for the estimation of rainfall in selected regions of Minas Gerais State, Brazil
title_sort modelos matemáticos para predição da chuva de projeto para regiões do estado de minas gerais mathematical models for the estimation of rainfall in selected regions of minas gerais state, brazil
publisher Universidade Federal de Campina Grande
series Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental - Agriambi
issn 1415-4366
1807-1929
publishDate 2003-04-01
description O uso de modelos matemáticos para predição da chuva é uma forma prática e precisa para determinação do valor a ser aplicado em projetos, sendo útil para localidades desprovidas de informações pluviométricas. Objetivou-se ajustar o método de Bell, que possui características de regionalização para a chuva de projeto, com base em equações de chuvas intensas e modelos de probabilidade de Gumbel de estações meteorológicas do Estado de Minas Gerais ajustando, também, um modelo para cada região do estado. Avaliaram-se os modelos considerando-se o coeficiente de determinação e os erros médios em relação aos dados originais. Para validação, trabalhou-se com três estações meteorológicas da região Norte não usadas para ajuste do respectivo modelo. Foram analisadas três metodologias para estimativa da chuva intensa padrão (h(60,2)), que pondera o método usado, ressaltando-se a média aritmética, a média ponderada pelo inverso do quadrado da distância e a predição geoestatística (krigagem). Observou-se que os modelos possuem bons indicadores estatísticos e a validação produziu erros baixos, mostrando que os modelos podem ser aplicados, especialmente se a krigagem for usada para estimativa do parâmetro h(60,2).<br>The use of mathematical models for predicting rainfall is a practical and accurate way of determining this parameter to be applied to regions which do not have any precipitation data. Based on the intense rainfall equations and Gumbel's probability model for maximum daily precipitation of meteorological stations in Minas Gerais State, the objective of this work was to adjust the Bell's Method, with regional features, for rainfall, adjusting one model for each region. The regional parameters were estimated by non-linear multiple regression, using Gauss-Newton's method. The goodness of the models was evaluated by the coefficient of determination and mean errors of prediction as compared to the original data. Data from three meteorological stations in the Northern region, which were not used to adjust the respective model, were used for validation purposes. The most frequent precipitation was tested by the arithmetic mean, the weighted mean by the inverse-square-distance and the geo-statistical prediction (kriging). The models produced good statistical parameters, with low mean errors, showing their accuracy, specially when the kriging method for estimating the most frequent precipitation was used.
topic precipitação intensa
obras hidráulicas
regionalização
krigagem
intense precipitation
hydraulic structures
regionalization
kriging
url http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1415-43662003000100020
work_keys_str_mv AT carlosrdemello modelosmatematicosparapredicaodachuvadeprojetopararegioesdoestadodeminasgeraismathematicalmodelsfortheestimationofrainfallinselectedregionsofminasgeraisstatebrazil
AT antoniomdasilva modelosmatematicosparapredicaodachuvadeprojetopararegioesdoestadodeminasgeraismathematicalmodelsfortheestimationofrainfallinselectedregionsofminasgeraisstatebrazil
AT josemdelima modelosmatematicosparapredicaodachuvadeprojetopararegioesdoestadodeminasgeraismathematicalmodelsfortheestimationofrainfallinselectedregionsofminasgeraisstatebrazil
AT danielfferreira modelosmatematicosparapredicaodachuvadeprojetopararegioesdoestadodeminasgeraismathematicalmodelsfortheestimationofrainfallinselectedregionsofminasgeraisstatebrazil
AT marcelosdeoliveira modelosmatematicosparapredicaodachuvadeprojetopararegioesdoestadodeminasgeraismathematicalmodelsfortheestimationofrainfallinselectedregionsofminasgeraisstatebrazil
_version_ 1725000049368236032